Henrique Prata “Uma experiência de Fé”

Encerrando o “I Simpósio de Humanização da Saúde”, o palestrante Henrique Duarte Prata, emocionou os presentes com o tema “Uma experiência de Fé”.
Com uma plateia que lotou o recinto do anfiteatro do Campus II da UniFai, composta por autoridades, profissionais da área de saúde, entidades, e pessoas da sociedade, Prata contou uma história de amor e fé, a criação do Hospital Pio XII, (Hospital do Câncer de Barretos).

Compuseram a mesa: Os padres, Marcelo Antonio dos Santos, da Paróquia Nossa Senhora de Fátima; o padre Rui Rodrigues da Silva, da Paróquia Santo Antonio de Pádua; o empresário José Aparecido Romão da Silva; o prefeito de Adamantina, Márcio Cardim; a consultora educacional, Denise Alves Freire; Andrey Negrone Martins, administrador da clínica Pai Nosso Lar; Luiz Henrique Palone, músico e compositor.

Representando o “PAI Nosso Lar” Polo de Assistência Integral, a Meritíssima Juíza de Direito, Dra. Ruth Duarte Menegatti fez a abertura do evento.

Prata saudou a todos, dizendo estar impressionado pelo interesse causado pela palestra, em seguida exibiu um pequeno filme onde apresenta depoimentos de pacientes e funcionários do hospital.
Sua narrativa conseguiu, sob silêncio absoluto emocionar a plateia.

Durante o evento, Prata falou sobre “Os 11 princípios básicos de uma gestão com as bênçãos e as leis de Deus”:

1. Só devem administrar um hospital pessoas que tiverem convicção de que não existe remédio que faça efeito sem primeiro restituir a autoestima e a dignidade do paciente.

2. Só devem administrar um hospital pessoas que sentirem a dor e o sofrimento de cada paciente.

3. Só deve administrar um hospital quem tiver o coração valente e não se acovardar em deixar que ninguém (nem colaboradores e nem pacientes) seja humilhado, maltratado, explorado, desprezado ou ignorado.
4. Só deve administrar um hospital quem tiver humildade de conhecer todos os colaboradores pessoalmente e se fizer conhecer particularmente.
5. Só devem administrar um hospital, em regra geral, pessoas que amam pessoas e que, preferencialmente, não sejam médicos, porque médicos não julgam médicos (existem exceções, mas são raras).
6. Só deve administrar um hospital quem se dispuser a enxergar os quatro cantos dele, em todos os dias e em todas as horas.
7. Só deve administrar um hospital quem cobra de sua chefia (que são pessoas capacitadas) que ensine a todos indiscriminadamente tudo o que se sabe, sendo humilde e nunca humilhando nenhuma pessoa que saiba menos.
8. O ideal de se montar a gestão de um hospital de câncer, para se obter o melhor resultado de tratamento, é montar uma equipe de médicos trabalhando em período integral, dedicação exclusiva e caixa único (para facilitar a decisão sobre cada paciente, discutindo em equipe multidisciplinar e não isoladamente). Só assim, todos serão tratados com igualdade.
9. Só deve administrar um hospital a pessoa que tiver a leitura diária da parábola do bom samaritano.
10. Só deve administrar um hospital quem busca ter uma fé inabalável e uma confiança profunda na misericórdia e providência de Deus.
11. Só se deve administrar hospital pela fé quem oferecer tudo o que for de melhor para o paciente, independente de quanto custa.

Encerrada a palestra, Prata recebeu o público para uma sessão de fotos, em seguida concedeu uma entrevista para o site clikar e para o Grupo Joia de Comunicação.

Erivaldo Lopes
Jornalista

*Ouça o áudio completo da palestra, e também a entrevista com Henrique Duarte Prata, os links estão logo abaixo das fotos

DSC01885DSC01887DSC01889DSC01890DSC01892DSC01893DSC01895DSC01896DSC01897DSC01898DSC01899DSC01903DSC01904DSC01905DSC01906DSC01907DSC01908DSC01909DSC01910DSC01911DSC01912DSC01915DSC01916DSC01917DSC01918DSC01921DSC01924DSC01925DSC01926DSC01929DSC01930DSC01931DSC01932DSC01934DSC01940DSC01944DSC01945
20170928_21315320170928_21315720170928_21321220170928_21324420170928_21370020170928_21372320170928_21373420170928_21391220170928_21392120170928_21393420170928_21400120170928_21411220170928_214352

entrevista com Henrique Prata

Áudio da palestra parte 1

Áudio da palestra parte 2

 

Adamantina -TG 02-080 realiza a solenidade alusiva ao Dia da Bandeira Brasileira

20/11/2019 21h04 O evento realizado na sede do Tiro de Guerra, teve por objetivo comemorar a data alusiva a Bandeira do Brasil, quando, durante a

Governo de SP nomeia 3.755 profissionais para as polícias Militar e Civil

19/11/2019 16h21 Os efetivos, após formados, reforçarão os batalhões territoriais da Polícia Militar e as unidades da Polícia Civil em todo o Estado O Governador

Governo de SP autoriza crédito de R$ 21 milhões para modernizar emissoras de rádio e TV

19/11/2019 16h15 Foram liberados financiamentos para equipamentos de radiodifusão, conversão de AM para FM e geração de energia renovável O Governador João Doria, o presidente

00:00