Professores da rede estadual e municipal são capacitados para desenvolverem a escuta especializada

10/06/2021 13h52

Após a criação do “Protocolo da Rede Municipal de Proteção à Criança e ao Adolescente em situação de risco e escuta especializada”, a Secretaria de Assistência Social deu início a capacitação da rede de educação municipal e estadual para implantação da escuta especializada.

A escuta especializada consiste em atender e ouvir a criança vítima de qualquer tipo de violência que pode ser negligência, abandono, violência psicológica, bullying, violência física, sexual, institucional e testemunhal.

Em cada unidade escolar, é preciso que exista um espaço destinado ao acolhimento. Além da educação, já foram capacitados ano passado toda a rede socioassistencial do município e os integrantes da secretaria de saúde.

Essa ação é necessária para que o enfrentamento de situações de violência contra a criança e o adolescente sejam desenvolvidas em rede, contando com a participação da Assistência Social, Educação, Saúde e Conselho Tutelar.

Além das equipes das secretarias municipais, a ação ainda vai integrar advogados, OAB, equipes da Delegacia de Defesa da Mulher, do Poder Judiciário e do Ministério Público.

Até outubro, 216 professores da rede de educação municipal e estadual estarão capacitados e certificados. Conforme explica a secretária de assistência social, Andreia Regina Ribeiro, a ação é de fundamental importância para a proteção das crianças e dos adolescentes.

“Gostaria de agradecer a todos envolvidos na capacitação bem como o apoio das secretarias da saúde e de educação, pois essa integração é de suma importância para o trabalho em rede e para a concretização das ações preconizadas no protocolo”, finaliza.

Foto –  Secretaria de Assistência Social deu início a capacitação da rede de educação municipal e estadual para implantação da escuta especializada


PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ADAMANTINA
                Jornalista Natacha Dominato

Adamantina – Boletim Informativo Covid-19

15/06/2021 16h44 Conforme informações da Vigilância Epidemiológica, esses dados são referentes aos dias 14  de junho. Os 10 leitos de UTI, são 9 do SUS e um particular/convênio.

Técnicos do Euroclima+ participam de capacitação pelo Senar

15/06/2021 16h28 Curso ocorreu de 24 a 28 de maio  Por Vanessa Ribeiro dos Santos Alonso Revisão de Priscila Caldeira De 24 a 28 de maio,

Lucélia – Atualização de casos Covid-19

15/06/2021 16h23 Dados atualizados nesta terça-feira, 15 de Junho. Desde o início da Pandemia, são 1647 casos positivos de COVID-19 no município de Lucélia. Atualmente

00:00