Aluno da UniFAI concorre a prêmio da ONU

23/04/2019 16h42

Gustavo Palomo Camargo é aluno do curso de Ciências Biológicas

 Jesana Lima

 Foi pensando em resolver problemas sociais e econômicos em nível local, ao mesmo tempo em que promove impactos ambientais positivos e duradouros que

, aluno do segundo ano de Ciências Biológicas do Centro Universitário de Adamantina (UniFAI), decidiu participar de um concurso oferecido pela Organização das Nações Unidas (ONU), na área de Meio Ambiente.

O discente visa por meio do projeto enviado, estabelecer um programa integrado e autônomo de compostagem e agricultura orgânica comunitária em terrenos públicos, mobilizando jovens e aposentados, através da educação ambiental, com perfis para trabalhar na coleta de resíduos, produção do adubo, preparação de mudas na estufa, implementação e manejo de hortas e distribuição/comercialização de alimentos produzidos.

O prêmio para o trabalho vencedor é de US$ 15.000 (quinze mil dólares). A seleção é feita segundo critérios de custo/benefício, ou seja, são selecionados projetos com previsão de causar maior impacto socioambiental com o recurso oferecido.

Segundo Camargo, “a ideia surgiu segundo o desafio ambiental na gestão de resíduos sólidos orgânicos produzidos nas cidades e a dificuldade dos municípios em manter os terrenos públicos limpos e salubres. Pretende-se criar uma central de compostagem comunitária para transformar em adubo orgânico restos de comida domésticos (que, uma vez mal condicionado traz prejuízos para a saúde pública), o material vegetal proveniente da manutenção de árvores urbanas (um grande problema da administração ambiental), cinzas de madeira (subproduto de padarias e pizzarias), pó-de-serra (descarte

de marcenaria e serraria) e esterco bovino (facilmente encontrado nas periferias de cidades pequenas da minha região e fonte de microrganismos decompositores da matéria orgânica), a fim de gerar renda para jovens envolvidos na logística e manejo do

compostagem e com a venda do produto por um preço justo aos agricultores orgânicos de hortas comunitárias construídas em parceria com a prefeitura local”, relatou.

 Atualmente Camargo reside no município de Rinópolis e trabalho como agente ambiental, desenvolvendo ações ecopedagógicas e gerenciais voltadas ao cultivo de alimentos orgânicos.

Central de Comunicação
Diretora da Divisão de Comunicação: Jesana Lima
Assessoria de Imprensa / Jornalismo
Priscila Caldeira – MTb.: 8.148/PR
Daniel Torres – MTb.: 51.540/SP

Organico

 

Alunos da EE Helen Keller recebem certificados e moção de congratulações e aplausos

23/06/2024 16h53 Por: Tiago Rafael dos Santos Alves No último dia 18 (terça-feira), os alunos da EE Helen Keller, receberam certificados referentes ao desenvolvimento da

Governo de SP anuncia volta da Feicorte, maior feira latina indoor de pecuária de corte

21/06/2024 16h58 Depois de dez anos da última edição, Feicorte 2024 será realizada entre os dias 19 e 23 de novembro, na cidade de Presidente

Como drones e satélites ajudam no combate e prevenção de incêndios em SP

21/06/2024 16h50 Além dos equipamentos que sobrevoam unidades de conservação, Governo de SP conta com mapas que monitoram focos de incêndios em tempo real Sex,

00:00