Doria lança Bolsa do Povo Educação para mais de 2 mil responsáveis por alunos do Centro Paula Souza

01/09/2021 18h13

Auxílio mensal de R$ 500 vai ser oferecido a interessados em atuar dentro das escolas; investimento inicial é de R$ 7,1 milhões

O Governador João Doria lançou nesta quarta-feira (1) o Bolsa do Povo Educação Centro Paula Souza. O auxílio será destinado a 2.368 responsáveis legais de alunos da rede estadual de ensino técnico em situação de vulnerabilidade social. A ação prevê pagamento de benefício mensal no valor de R$ 500 a cada bolsista.

“O Bolsa do Povo é um programa inovador e exemplo para o Brasil. Vamos destinar bolsas de R$ 500 mensais para atender quem mais precisa. São famílias vulneráveis que precisam de apoio, ensino e oportunidades”, afirmou Doria em cerimônia no Palácio dos Bandeirantes.

O programa faz parte do Bolsa do Povo, criado pelo Governo de São Paulo para auxiliar a população mais vulnerável prejudicadas por impactos negativos da COVID-19. A iniciativa permite ainda que pais, mães e outros familiares se aproximem das escolas, com benefícios para toda a comunidade.

Na primeira fase, o Estado vai investir R$ 7,1 milhões no programa. Os bolsistas vão auxiliar equipes gestoras das Etecs e Fatecs no cumprimento do protocolo sanitário para o retorno facultativo às aulas presenciais. Cada unidade terá ao menos quatro vagas – o número pode variar de acordo com o tamanho da escola ou faculdade e total de alunos atendidos.

Os beneficiários do programa serão entrevistados pelos diretores de cada unidade. Todos os auxílios devem ser aprovados pelo Núcleo Regional de Administração do Centro Paula Souza.

Os selecionados devem cumprir jornada de 20 horas semanais (quatro horas diárias). O contrato vai durar seis meses, com a possibilidade de prorrogação até 31 de dezembro de 2022. Para participar do processo seletivo, os interessados devem se inscrever no site www.bolsadopovo.sp.gov.br até o dia 12 de setembro e cumprir os seguintes requisitos:

– ser responsável legal de estudante matriculado

– ter idade entre 18 a 59 anos

– estar desempregado há pelo menos três meses

– não possuir comorbidades associadas à Covid-19

– residir no município onde está a Etec ou Fatec em que pretende atuar. Cada candidato pode se inscrever em até três unidades de ensino.

 

Assessoria de Imprensa
Secretaria Especial de Comunicação

Obras executadas pela Prefeitura de Adamantina na avenida Antônio Tiveron prosseguem Iniciativa integra o Projeto Avenidas Responsáveis que objetiva melhorar a mobilidade e a segurança do local

25/10/2021 12h11 A Prefeitura de Adamantina, por meio das Secretarias de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente (SAAMA), Obras e Planejamento e Desenvolvimento, segue executando melhorias,

Secretaria de Assistência Social de Adamantina esclarece dúvidas sobre o pagamento dos benefícios dos Programas Bolsa Povo do Governo do Estado que estão em funcionamento

25/10/2021 12h07 A Prefeitura de Adamantina, por meio da Secretaria de Assistência Social, informa que a pasta tem sido procurada para sanar dúvidas e prestado

Rede de educação municipal e estadual de Adamantina são capacitadas para efetivação do serviço de escuta especializada no município

25/10/2021 12h02 Com o objetivo de preparar os professores das redes municipal e estadual e também os funcionários da APAE para escutar a criança de

00:00