Fundação Itesp viabiliza ações de reflorestamento no Pontal do Paranapanema

08/06/2021 14h54

Ação integra o Programa Pontal 2030

A Fundação Itesp – vinculada à Secretaria de Justiça e Cidadania, por meio do Grupo Técnico de Campo de Mirante do Paranapanema, encontrou forma criativa e eficiente para comemorar a Semana do Meio ambiente e dar suporte técnico as ações em andamento em áreas de reserva legal dos assentamentos Estrela Dalva e São Bento, localizados no município de Mirante do Paranapanema.

A iniciativa faz parte do Programa Pontal 2030, coordenado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional, que tem a finalidade de alavancar o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) da região do Pontal do Paranapanema.

“Seguimos trabalhando para desenvolver ainda mais a região do Pontal. Uma excelente ação para iniciarmos a Semana do Meio Ambiente de forma eficiente”, apontou o Secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi.

Em parceria com a empresa CTG BRASIL, foram distribuídas 4.350 mudas de espécies nativas que serão plantadas em áreas com projetos de Sistema Agroflorestal – SAFs.

Inicialmente estão sendo plantadas 2.350 mudas em áreas de reserva legal próximo ao lote 6, do assentamento Estrela Dalva, do produtor Edson Ferreira da Silva, que desde 2013 cuida desta área de SAF. O local formou pequeno bosque, no qual o produtor planta e comercializa amora, mandioca, milho, eucalipto, feijão de corda, dentre outras espécies que desenvolve através do plantio consorciado de nativas e exóticas.

No assentamento São Bento, o lote 64 do produtor rural José Nunes, está sendo reflorestado uma área de 1 hectare e o projeto de SAF está em fase inicial.

O supervisor do GTC de Mirante do Paranapanema, Gilmar Goes, e o técnico Paulo Sérgio Rodrigues, estão acompanhando os trabalhos de perto e dão todo o suporte necessário para os produtores rurais.

A Fundação Itesp presta assistência técnica para 7.133 famílias distribuídas em 140 assentamentos que estão presentes em 40 municípios paulistas. Somente no Pontal do Paranapanema são 98 assentamentos e 4.913 famílias.

O PONTAL 2030
Idealizada pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional, a iniciativa tem a finalidade de alavancar o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) da região, no extremo oeste do Estado, que abarca 32 municípios e 600 mil habitantes. Com previsão de investimentos em diversas áreas, como Desenvolvimento Econômico, Saúde, Segurança Pública, Meio Ambiente e Turismo, por meio de ações integradas e desenvolvidas em curto, médio e longo prazos, são implementadas por 19 Pastas de Governo. O Pontal 2030 tem o objetivo de promover o fortalecimento dos municípios locais, o desenvolvimento sustentável, a regularização fundiária e a redução das desigualdades sociais.

Comunicação/ Imprensa
Secretaria de Desenvolvimento Regional

Adamantina – Boletim Informativo Covid-19

15/06/2021 16h44 Conforme informações da Vigilância Epidemiológica, esses dados são referentes aos dias 14  de junho. Os 10 leitos de UTI, são 9 do SUS e um particular/convênio.

Técnicos do Euroclima+ participam de capacitação pelo Senar

15/06/2021 16h28 Curso ocorreu de 24 a 28 de maio  Por Vanessa Ribeiro dos Santos Alonso Revisão de Priscila Caldeira De 24 a 28 de maio,

Lucélia – Atualização de casos Covid-19

15/06/2021 16h23 Dados atualizados nesta terça-feira, 15 de Junho. Desde o início da Pandemia, são 1647 casos positivos de COVID-19 no município de Lucélia. Atualmente

00:00